04/11/2020 / Fonte: Dr. Eduardo M. Otani

Alzheimer - Dicas de cuidados

Sabemos que não é fácil o dia-dia do cuidador de paciente com Alzheimer, além de muita paciência o ambiente precisa ser preparado com segurança.

1-Cuidado para não deixar a casa com “cara de hospital”. Procure manter o ambiente leve e agradável.

2-Feche as cortinas ao entardecer. Na fase moderada da doença pode surgir um sintoma conhecido por “efeito sundown”, no qual o doente sente-se agitado e depressivo ao cair da tarde, assim ele não percebe que anoiteceu.

3-Retire os espelhos dos quartos de dormir porque pacientes com Alzheimer geralmente não se reconhecem no espelho e assustam-se com o “desconhecido” que aparece de repente.

4-Separe as roupas para o dia seguinte. Isso facilita muito quem, em certas fases, perde a noção de como se vestir.

5-Procure sempre contornar as situações, não insistindo e nem discordando das “verdades” que eles contam.

6-Elimine móveis com pontas ou de vidro e instale um corrimão nas escadas e no chuveiro para dar maior conforto e segurança, tire do alcance objetos perigosos, como faca, fósforo, remédio, etc.

7-Não tire todo o dinheiro e a dignidade do doente. Reserve uma pequena quantia para que ele ainda possa sentir-se autossuficiente.

8-Providencie uma pulseira com uma plaquinha de identificação. Com o avanço dos sintomas eles podem não conseguir voltar para casa.

9-Nas fases avançadas, convém criar um instrumento legal para proteger o doente impedindo que pessoas não idôneas se apropriem do que é dele. Esse tipo de documento impede também que o idoso seja punido, por exemplo, quando sai de uma loja esquecendo-se de pagar.

10-Não deixe por muito tempo a pessoa sozinha, mas também não permita que ela perceba que está sendo “vigiada”. Procure sempre observar de longe as atividades que estão fazendo, para prestar socorro em tempo, caso necessite.

Secondata web sistemas